5 Clássicos do centro de Porto Alegre

PORTO ALEGRE

Ah, o centro da cidade, onde o coração pulsa e os ouvidos estremecem ao som de tanto burburinho. No centro se acha de tudo: antiguidades, promoções, utensílios, fantasias, e uma infinidade de coisas-de-todo-tipo. Vê-se desde mendigos com seus cães fiéis até senhores bem engomados.

Sou uma convicta apaixonada pelo Centro de Porto Alegre: a parte histórica, os prédios que muitas vezes passamos sem prestar atenção, a diversidade de pessoas passando para todos os lados e, é claro, a gastronomia local. Listo aqui os meus restaurantes favoritos no centro de Porto Alegre.

Confeitaria Princesa

Desde o ano de 1960, a Confeitaria Princesa ocupa o número 1812 da “Rua da Praia” (Rua dos Andradas) e encanta os portoalegrenses com quitutes genuinamente familiares. Tudo que se come na “princesa” tem gosto de casa de vó. Aliás, entrar na confeitaria é como voltar aos anos ’60, desde o porta-balas giratório, até as banquetas altas, que dão o maior charme ao local.

A princesa já ganhou vários prêmios e o mais curioso é que a confeitaria vem sendo reconhecida durante anos pelo melhor cachorro quente da cidade! De fato, as empadas, os docinhos, o pão caseiro são todos muito deliciosos, mas o cachorro quente da princesa tem um lugar especial no meu coração!

Dá uma olhada no moço e vê se ele não é tentador:

princesa_hotdog

O pão é feito na casa, é macio, vem quentinho, sensacional! Mas parece que o segredo do cachorro-quente é o molho secreto, que eles não contam para ninguém do que é feito, aos moldes da “Oficina do Segredo”, que eu contei no outro post. É difícil descrever o molho, porque ele tem um sabor diferente de qualquer outro que eu já provei! Tem que ir e conferir!

princesa

Importante salientar que o cachorro quente na princesa não é super recheado e também não é muito grande! Eu sozinha como dois, com uma coca cola de garrafinha: combinação perfeita. Ele vem com um molho vermelho, o molho secreto, a salsicha e o pão, que já é uma estrela a parte! Confia em mim: tu não precisas de nada além disso para ser feliz! Te lambuza!

Banca 40

Quase não dá para notar que eu tenho um fraco pela dobradinha história-gastronomia, né não? Então, a minha dica de sorvete delicioso no centro de Porto Alegre não podia ter menos de 89 aninhos! A Banca 40 foi fundada em 1927, no Mercado Público.

Recentemente eles abriram uma filial no Moinhos de Vento, na Padre Chagas, mas confesso que a minha favorita é a sede no centrão! Nada se iguala a experiência de sentar nas mesinhas e escolher os sorvetes pela foto em cima do caixa, igualzinho a antigamente. Pensa bem, quantas pessoas importantes já sentaram nesse lugar?

Essa atmosfera faz com que o sorvetinho ingênuo se torne mais especial, mas vou te dizer uma coisa: A NATA é o ingrediente secreto dessa vez! Coloque ela em tudo que for pedir: no sorvete, na salada de frutas, onde puder! É realmente muito boa!

banca40

Bueno, mas ao contrário de muitas pessoas que ficam nos clássicos bomba royal ou banana Split, eu acredito que de clássico já basta o local. Me aventurei na “revolução farroupilha” e meu espírito de mulher guerreira nunca mais quis outro sorvete, senão esse, que vem com salada de frutas, duas bolas de sorvete de creme (diz no cardápio, mas dá para mudar o sabor), doce de leite, NATA e castanhas. Confere a belezura aí e me diz se não dá vontade de nadar nesse potinho? Te joga!

Atelier de Massas

A melhor massa da capital gaúcha é servida aqui. Em um prédio diferentão na rua Riachuelo, nº 1482, o Atelier serve divinamente uma série de massas e ainda tem uma mesa sensacional de antepastos para já ir fazendo uma boquinha logo de chegada.

O lugar faz parte da experiência. Garçons grandalhões e simpáticos se espremem no espaço para servir a clientela que todos os dias lota o restaurante. Além disso, uma infinidade de quadrinhos enche as paredes e os olhos de quem resolve se deliciar por aqui. Um jazz ao fundo e voilá: chegaram os pratos!

atelier_massas_tortei        atelier_massas

Pedi um tortei aos quatro queijos que estava sen-sa-cio-nal!!! O pai pediu um fettucine al borgheto, que vem com cubos de filé, cogumelo, brócolis, salsa, molho bechamel, páprica, alho e cebola. Esse é para quem gosta de pimenta! A mãe resolveu me imitar e pediu o mesmo prato que eu, não houve arrependimento!

Todos os pratos limpinhos e panças devidamente abastecidas. O atelier é daqueles lugares que vale a pena se estender e curtir cada segundo. Por isso, não te mixa se tiver fila, e se tu não gostas de esperar: faz uma reserva!

Tuim

Sempre passei pela “rua da ladeira” e via aquele lugar pequenino e lotado de gente, tomando chope a qualquer hora do dia. Aos 24 anos fui descobrir, com colegas de trabalho, o quão especial é o Tuim.

fullsizerender-14

Em funcionamento desde 1941, em um cantinho da General Câmara (nº 333), o tuim encanta pelo sabor caseiro e pelo chope gelado. O pessoal costuma não resistir a um copo na hora do almoço, para voltar relaxado para o escritório.

tuim_massa
massa caseira com carne de panela

Funciona assim: o restaurante tem um prato especial a cada dia. O que é excelente, porque permite que se faça a programação da semana: Galera, hoje é dia de massa com carne de panela! E assim por diante. A massa é caseira e o molho é forte e saboroso.

tuim_carreteiro
carreteiro, feijão mexido e ovo frito

Outro dia tem arroz de carreteiro com feijão mexido e ovo frito. Inúmeras combinações, além dos petiscos que também são muito bons. Dizem que o bolinho de bacalhau deles é inigualável. O tuim não é para quem faz a linha “light”, aqui o negócio é enfiar os dois pés na jaca, e com vontade!

ala-tuim
bolinho de bacalhau, a la minuta e almôndega acebolada

O meu prato favorito é o à la minutão, fixo no cardápio. Tem algo mais clássico que o PF: arroz, ovo frito, bife e batata frita? O do tuim acompanha saladinha e uma caçarola de feijão. Para matar de tão bom! Depois disso, volte rolando até o seu trabalho e seja feliz!

Chalé da Praça XV

O Chalé da Praça XV é definitivamente um clássico do centro de Porto Alegre. O prédio foi construído em 1911 e é tombado pelo Patrimônio Histórico Municipal. Entrar no local é como voltar no tempo. Hoje está em funcionamento um bistrô, que tem diversas opções de prato, hambúrguer e cervejas especiais.

massa pappardelle      chalexv

Eu pedi uma pappardelle com camarões e molho de nata, que vem na panelinha, um amor! Minha mãe pediu esses medalhões de filé grelhados com molho e vegetais, que é uma das opções de prato do dia. Tudo bem saboroso! De sobremesa pedimos peras ao vinho com sorvete de creme que estavam maravilhosas.

chalexv_sobremesa

A comida é bem boa, mas é o ambiente que faz a magia acontecer. Se tu estiveres pelo centro, não perde a chance de conhecer um dos pontos históricos da cidade e ainda comer bem. Mesinhas do chalé, cerveja, final de tarde, luzes da frente do Mercado Público: combinação mais poética não há.

By   -   nov 17, 2016   -   0 Comment
YOU MIGHT ALSO LIKE